segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Brotoejas ou Alergia?

Sexta-feira foi um dia muito quente aqui em Rio Branco/AC, as fraldas Pampers tinham acabado e eu só tinha um pacote de fraldas Johnsons à disposição. Troquei o Nathan com as fraldas Johnsons umas 2 vezes na parte da manhã e logo após o almoço resolvi dar um banho de tanque no meu fofinho... qual não foi a minha surpresa quando eu me deparei com isso...
 
Só não ficou vermelho onde estava a faixa absorvente de algodão, eu estou preferindo acreditar que foi só uma brotoeja por causa do calor que estava fazendo, até por que ele já usou dessa mesma fralda antes e não aconteceu nada... mesmo assim, dei o banho de tanque nele e improvisei uma fralda de pano (ficou um desastre por que eu nunca aprendi a colocar), pelo menos foi o suficiente até o meu esposo chegar com um pacote de fraldas pampers.

Pesquisei alguma coisa sobre o assunto e achei o seguinte:


O que pode ser considerado uma reação alérgica?
“Uma reação alérgica é aquela que acontece quando o sistema imunológico reage de forma exagerada a alguma substância com que o organismo entrou em contato”, define Fabíola Suano, pediatra especialista em Nutrição Infantil e Diretora Científica do Instituto Girassol. Isso pode acontecer por meio de bolinhas vermelhas na pele, espirros ou até mesmo dificuldade para respirar.

Quais são os primeiros sinais de alergias de pele?
“Coceira e formação de placas avermelhadas e, às vezes, inchaço”

É verdade que uma criança pode ter alergia a fraldas?
Não é uma alergia, mas uma irritação. Nesse caso, a causadora do problema é a amônia, substância presente na urina e que agride a pele delicada do bebê. “Essa dermatite é bem vermelha”, explica Christiana Alonso Moron. Em alguns casos, ela ainda pode vir ladeada por bolinhas. Daí, o mais indicado é conversar com o pediatra para ver a melhor maneira de tratá-la.

As famosas brotoejas são um sinal de alergia ou de irritação de um produto?
Não. “A brotoeja é causada por uma imaturidade das glândulas da criança, que não conseguem excretar todo o suor que o bebê produz. Esse excesso acaba se depositando numa camada mais profunda da pele e é isso que causa as bolinhas vermelhas”, explica a dermatologista. O problema aparece quando, por algum motivo, o bebê sua demais, seja porque foi excessivamente agasalhado, seja porque viajou para um lugar onde a temperatura está mais quente. Além disso, produtos que colaboram para a oleosidade da pele ou muito cremosos podem levar ao problema. Daí a importância de aplicar cremes, protetores solares e outros cosméticos específicos para crianças e para cada tipo de pele.

 Está resumido, você encontra o artigo na íntegra aqui.


4 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...